BILHÕES DE REAIS PARA AS OLIMPÍADAS, ZERO PARA A SAÚDE PÚBLICA - CLÁUDIO ANDRÉ - O POETA

Publicidade

test banner

Ultimas!

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

sexta-feira, 8 de janeiro de 2016

BILHÕES DE REAIS PARA AS OLIMPÍADAS, ZERO PARA A SAÚDE PÚBLICA

R$ 38 bilhões para as olimpíadas e o povo morrendo no SUS do Rio e em todo o Brasil.

Esse é o retrato de um Brasil 'fudido e mal pago'. Com os bilhões torrados na copa e nas olimpíadas daria para reformar e equipar quase todos hospitais, melhorar os Samus, comprar mais medicamentos e pagar melhor médicos e funcionários. Mas, como vermos isso acontecer num País que não é levado a sério?

R$ 38 bilhões, do que é sabido, fora a roubalheira já estão metidos nas Olimpíadas do Rio de Janeiro.
E o RJ, como todo o Brasil, tem epidemia de dengue, zika e chikungunya, microcefalias, além dos que diariamente morrem no SUS literalmente abandonados.

A pergunta que sempre se faz: até quando o povo vai tolerar tais abusos criminosos? E vai continuar a votar, em urnas venezuelanas, nos ladrões indicados por ladrões? É ano de eleições, que vai ser?

Há uma revolta generalizada, porém, o brasileiro ainda não sabe usar sua força e poder. Não adianta ter greves, passeatas, mobilizações, protestos, quando apenas uma minoria sai às ruas para protestar.

Vamos continuar vivendo em pleno século XXI vivendo no regime das capitanias hereditárias, nos tempos de senhores de engenho, sendo moeda de Portugal, tempos do Pau Brasil, etc. O País só vai ter jeito, quando o eleitor criar jeito... Pense nisso!

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE