VIGILANTE SOFRE DISPAROS DE ARMA DE FOGO A QUEIMA ROUPA E MORRE EM PALMEIRA DOS ÍNDIOS - CLÁUDIO ANDRÉ O POETA

Publicidade

test banner

Ultimas!

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

quarta-feira, 12 de abril de 2017

VIGILANTE SOFRE DISPAROS DE ARMA DE FOGO A QUEIMA ROUPA E MORRE EM PALMEIRA DOS ÍNDIOS

OS TIROS FORAM A QUEIMA ROUPA
Um vigilante de 47 anos, identificado como Evano Santana da Silva, foi assassinado com vários tiros na noite desta terça-feira (11), na Rua Tertuliano Canuto, no bairro, São Francisco em Palmeira dos Índios, Agreste de Alagoas.

Segundo testemunhas, “Galego” como era conhecido, seguia de moto para o trabalho, quando foi seguido por dois homens também de moto usando coletes de mototáxi, que ao se aproximarem da vítima efetuou os disparos.

A MOTO ONDE ESTA A VÍTIMA
Baleado, Galego ainda tentou fugir dos criminosos, mas não resistiu aos ferimentos e morreu no local. Já os suspeitos fugiram tomando destino ignorado e não foram localizados. A polícia trabalha com a hipótese, uma vez que, a carteira, o celular e a motocicleta da vítima não foram levados pelos assassinos. 

Um filho da vítima, disse a reportagem do Portal Todo Segundo, que não sabe aquém atribuir o crime, mas que seu pai recente havia sofrido duas perseguições. “Meu pai não tinha intriga, mas nos últimos dias, ele chegou em casa dizendo que por duas vezes perseguiram ele”, revelou o jovem que terá sua identidade preservada.

Peritos do Instituto de Criminalística (IC) estiveram no local para os procedimentos cabíveis. O corpo da vítima foi levado para o Instituto Médico Legal (IML), de Arapiraca. A Polícia Civil investiga causas que motivaram o crime.
do TODO SEGUNDO

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE