2018: O ANO DOS SORRISOS FALSOS. ENGANE-SE QUEM QUISER - CLÁUDIO ANDRÉ O POETA

Publicidade

test banner

Ultimas!

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

domingo, 14 de maio de 2017

2018: O ANO DOS SORRISOS FALSOS. ENGANE-SE QUEM QUISER

No próximo ano, 2018, vai aparecer meio mundo de candidatos, todos com a maior cara lisa. Todos com o sorriso mais falso que nota de "três reais". 
Abraços de crocodilos,  promessas obsoletas, paraquedistas de migué, enfim, candidatos que não tem compromisso nenhum com o bem estar da população.  
Resta o eleitor saber discernir quem merece um voto de confiança. Se por ventura seu candidato a deputado, por exemplo,  realmente já tiver serviços prestados para o bem da coletividade, é provável que ele mereça seu voto, mas, caso contrário,  tem que dizer um não bem grande. 
Diante da crise financeira que assola o País, as armadilhas dos candidatos já estão armadas e muitos eleitores cairão nelas. O pior de tudo, num pouco espaço de tempo, vai faltar medicamentos nos postos de saúde, merenda escolar e greves por todos lados. 
Mas, se você foi aquele eleitor que se vendeu, não terá o direito de fazer algum tipo de reclamação. PENSE NISSO!

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE